domingo, 7 de abril de 2013

«Felizes os que acreditam sem terem visto»
[João 20,1-9]



Se na Oitava da Páscoa vivemos iluminados pela palavra «viu e acreditou», hoje - «oito dias depois» - Domingo II da Páscoa e da Divina Misericórdia, surge uma nova palavra talvez mais em sintonia com a nossa condição: «Felizes os que acreditam sem terem visto»
Se com o Beato João Paulo II vivemos o dia da Divina Misericórdia, com o Papa Francisco pomos em evidência o que ele ainda como Arcebispo de Buenos Aires dizia em entrevista, mesmo se é em espanhol é, talvez, fácil de entender [AQUI] e agora como Papa tem afirmado a propósito da oração na sua dimensão de louvor e adoração.
É o que também exprime Tomé ao exclamar:
«Meu Senhor e meu Deus!»
Um domingo feliz da Divina Misericórdia

A Folha Interparoquial nº 58 - AQUI - 

Sem comentários:

Enviar um comentário