expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

domingo, 17 de setembro de 2017

«Não te digo até sete vezes,

Mas até setenta vezes sete»

[Mateus 18,21-35]

 

Este programa que nos propomos viver durante esta semana - «setenta vezes sete» - é bem atual e necessário em nossos dias e em tantas situações da vida da família e da sociedade.
Mas não é fácil concretizá-lo… pois habitualmente consideramos o outro como sendo sempre o culpado…
Na quarta-feira passada em Roma, como já o tinha feito na Colômbia, o Papa Francisco aponta um bom caminho para o concretizar: «Demos o primeiro passo»




 Vamos este domingo dar o primeiro passo na direção dos irmãos, amando e perdoando

Um domingo feliz

domingo, 10 de setembro de 2017

«onde estão dois ou três reunidos em meu nome,

Eu estou no meio deles»

[Mateus 18,20]

 

Foi esta palavra do evangelho de São Mateus que inspirou o título da nossa folhinha interparoquial e procura inspirar o modo de viver destas comunidades: Ele está no meio de nós



Dois ou três unidos … para concretizar o ditado popular: «A falar é que a gente se entende» ou para concretizar o que diz o provérbio africano: «Se queres chegar depressa corre sozinho; mas se queres chegar longe caminha com os outros». Portanto, falar com todos, sem esquecer os avós, como recordou o Papa Francisco aos Membros da Comunidade Católica Shalom e caminhar juntos sem por de lado ninguém
Um domingo feliz com Ele no meio de nós

domingo, 3 de setembro de 2017

«tome a sua cruz e siga-me»

[Mateus 16,21-27]


Faz hoje um ano que foi canonizada em Roma pelo Papa francisco a Santa Madre Teresa de Calcutá que tem a Festa Litúrgica em 05 de setembro.

Na imagem oficial da canonização duas cruzes: a do hábito no ombro e a do rosário na mão. Na verdade, também em Santa Madre teresa de Calcutá de concretizou o «tome a sua cruz e siga-me».
Agora é a nossa vez de fazer igual experiência, para sermos discípulos de Jesus e seus seguidores, «não como homens e mulheres contrariados e tristonhos», mas como pessoas felizes



Um domingo feliz e cheio de esperança