expr:class='"loading" + data:blog.mobileClass'>

quarta-feira, 5 de junho de 2013

«Dai-lhes vós de comer»
[Lucas 9, 11b-17]


«Dai-lhes vós de comer».
Haverá só um modo de o fazer?
Ao lado do pão para a boca que é resposta a este mandato de Jesus haverá outros modos de «dar de comer»?!...

Como? E a quem?
Às vezes, as possibilidades materiais de o fazer esgotam-se ou tantas vezes tornam-se incapazes de o realizar e muitas vezes são insuficientes!...
Será que, quando assim acontece - e acontece tantas vezes - se fecham todas as portas?!... Talvez não, pois como diz o povo “quando se fecha uma porta, abre-se sempre uma janela”… e a oração pode ser essa janela
Hoje, ao visitar alguém envolvido pela tribulação do imprevisto da saúde debilitada… senti a potência desta palavra do Papa Francisco, hoje pronunciada na homilia da missa da manhã na capela da Casa de Santa Marta – Roma: «Por fim, Francisco convidou a rezar por quem vive situações dramáticas e sofrem tanto e como Jesus na Cruz, que gritam: ‘Pai, por que me abandonaste?’. “Rezemos para que a nossa oração chegue e seja um pouco de esperança para todos nós. [AQUI]

Um dia feliz a «dar de comer»

Sem comentários:

Enviar um comentário