terça-feira, 3 de abril de 2012

«Ser discípulo… na humildade e na caridade»




«E molhando o pão, deu-o a Judas…» 
[João 13, 21-33.36-38]

Este foi o sinal do início da traição… mas «Ser discípulo… na humildade e na caridade» é não trair mas amar.
A celebração de hoje num dos Lares destas comunidades deu oportunidade para evidenciar o amor que Deus nos tem «desde o seio materno» [Isaías 49,1-6] e para avivar em todos a importância de cuidar e amar todos, desde o seio materno, passando pela juventude e «até hoje» [Salmo 70] numa altura em que as forças são menos, mas a força de Deus permanece eternamente.


O sabor a Páscoa, à alegria e à festa foi assinalado de modo original. No final da missa, a técnica da instituição, na presença dos membros da Direcção, do Presidente da Junta de Freguesia, de utentes e funcionários, de alguns familiares e de pessoas da comunidade que tinham participado na Eucaristia, pegou num singelo alfinete e fez rebentar, como um foguete, um dos balões que ornamentavam a sala.
Tudo simples mas sentido e sobretudo a proporcionar emoção e felicidade
FELIZ PÁSCOA

Sem comentários:

Enviar um comentário